A ALEGRIA VEM PELA MANHÃ – Myrtes Mathias

É maravilhoso despertar assim
com um hino no
coração,
quando ainda ontem rodeavam-me
águas de angustias e solidão,
frágil parede se interpondo
entre mim e o abismo,
a pomba da esperança voltando ao abrigo,
sem o ramo de oliveira
que fala de águas baixando,
e do sol que volta a brilhar.

É certo que as horas se fizeram dias,
os dias se tornaram meses,
e a resposta não vejo ainda.
Mas, aqui dentro, Senhor, no coração,
sinto que a causa não está perdida,
que o corpo tomba, mas a alma não.
No momento certo,
Tu mesmo me abrirás a porta
sobre o Arará coberto de verde,
o sol no alto e no coração;
as águas de perplexidade e angustia
lembradas apenas para efeito
de contraste e gratidão.

Perdão, Senhor, pelo tempo
que Te estou tomando,
quando Tens todo um universo para dirigir.
Considera, porém, que não tenho ninguém
capaz de Te substituir.

Mas crê, é muito mais por amor
do que por medo
que preciso, tão cedo,
procurar a Tua direção.
Para enfrentar o dia que está nascendo,
é preciso Te ouvir, dizendo
que me amas, apesar dos pesares,
que não me abandonas, mesmo quando erro,
que Tuas promessas jamais falharão.
Paro de escrever,
mas não de estar Contigo:
sem um Amigo
é impossível trabalhar na vinha.
Mantém, pois, a Tua mão na minha,
faze do meu dia um hino de louvor.
Que eu repita ao começar cada tarefa,
por menor quer seja onde for;
– Estou pronta. Qual é a ordem, Senhor?”

(Extraído do Livro: “Vim Ficar Contigo” – págs.45-46)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s